Hotéis e restaurantes de Cunha, a 230 km de São Paulo

Localizada a 230 km de São Paulo, no Alto Vale do Paraíba, essa cidade paulista não só inspira com seus famosos trabalhos feitos em cerâmica e campos de lavandas como também faz a gente ter uma das experiências mais saborosas do interior.

E, como ninguém é de ferro, a mesa é farta, no melhor estilo comida de fazenda, e as opções de hospedagem variam de hotéis centrais a refúgios no meio da mata.

Crédito foto do topo: Lavandário de Cunha (foto: Eduardo Vessoni)

GASTRONOMIA

Comer em Cunha é uma experiência única, cujos pratos são uma mistura equilibrada entre comida da roça e cozinha criativa.

No cardápio não devem faltar, de acordo com a temporada, ingredientes como carne de porco, costelinha, truta e shitake.

Trutas do Gnomo Restaurante, em Cunha (foto: Eduardo Vessoni)

Durante a passagem do Viagem em Pauta pela cidade, fomos surpreendidos com opções gastronômicas como a truta com crosta de pinhão e risoto de açafrão do Veríssima Bistrô (Rua Manoel Prudente de Toledo, 584/tel.: 12-3111-2356); a sequência de trutas com cinco diferentes preparos e acompanhadas de arroz negro ao vinho branco e purê de banana, no concorrido Do Gnomo Restaurante (Estrada Municipal do Ribeirão, 2.300/12-99734-8869); e o aconchegante La Taverne Bistrô, onde provamos polenta italiana com ragu no vinho (km 66 da estrada Cunha – Paraty/tel.: 12-3111-6039).

Para refeições mais rápidas, não deixe de visitar os cenográficos Café e Arte, no calçadão do centro histórico de Cunha, e o Moara Empório Café, no km 57 da SP-171. Ambos contam com lojinhas com artesanato local e objetos vintage para compra.

ONDE FICAR

Pousada Cheiro da Terra
Quem procura algo mais urbano, essa opção de pousada fica na entrada da cidade e possui 15 chalés, equipados com lareira.

Pousada Cheiro da Terra, em Cunha (foto: Eduardo Vessoni)
Pousada Cheiro da Terra, em Cunha (foto: Eduardo Vessoni)

Mas o mais inusitado por ali é o ateliê, onde acontecem oficinas curtas em que o hóspede faz suas próprias peças em cerâmica. “A experiência é poder levar Cunha para si com uma peça feita pelo hóspede”, descreve o proprietário. Diária a partir de R$ 350 (casal) www.pousadacheirodaterra.com.br

Fonte: http://viagemempauta.com.br/2015/06/24/fazendas-do-ciclo-do-cafe-promovem-tours-tematicos/

Deixe uma resposta