Uma viagem pelos sabores do Vale Histórico e da Serra da Bocaina.

Caminhos da Bocaina – Vale Histórico apresenta um roteiro gastronômico de dar água na boca.

Uma “misturança” cultural originou sabores únicos. Os tropeiros foram os grandes responsáveis por juntar costumes indígenas, africanos e europeus. A receita não podia ficar melhor!

Do Gnomo Restaurante & Petiscos, em Cunha, traz uma culinária diferenciada e criativa. Com uma alquimia de sabores regionais, enfatizando o uso de produtos locais como a truta, o cordeiro, o shiitake e o pinhão e seguindo tendências internacionais do slow food, propicia momentos surpreendentes, de paz e tranquilidade. A cozinha é presencial e aberta aos clientes, oferece produtos locais como mel, queijos, cervejas artesanais entre outros.

Em Silveiras, o Restaurante do Ocílio oferece a tradicional comida tropeira, em ambiente rural, com biblioteca aberta à visitação, com livros de autores como Ocílio Ferraz, Pasin, João Rural, entre outros. O museu tropeiro e ocas indígenas também estão à disposição dos clientes. A tradicional farofa de içá (formiga) pode vir acompanhada de uma cerveja artesanal de marca própria, Cerveja “Içá”. Pratos como o frango à moda dos Moreiras ou a carne à moda Bocaina são só algumas das muitas opções.

O Restaurante Rancho, em São José do Barreiro, está sediado no casarão mais antigo da cidade, da década de 1840. Um ambiente de prazer e tranquilidade, em frente à pracinha e à igreja, com uma decoração que nos leva a uma viagem no tempo, mesinhas na calçada e amplos salões. Todos os dias oferece buffet self service, com pratos tradicionais como o “leitão de festa na Bocaina”, “carne à moda Bocaina”, costelinha ao molho de goiabada e tantos outros. Opções a la carte, petiscos, pizzas, pacotes para grupos e eventos culturais também são oferecidos.

Em Arapeí, o Restaurante Dona Licéia é “uma das 500 delícias do turismo no Brasil” (Revista Veja). A espera é regada a uma boa prosa e a criativos patês, como o de abacate com alho-poró. Pratos como marreco com maças, galinha ao molho pardo ou caprichadas trutas são acompanhadas de saladas fresquinhas, da horta orgânica própria. Mais de 20 sobremesas complementam a experiência, entre elas o pudim de rosas, inesquecível. Fica aos pés da Pedra do Caxambu, num vale de rara beleza, a 4 km da cidade.

Deixe uma resposta